Ateísmo

Início » BLOG » Ateísmo

Eis um assunto polêmico, religião, ainda mais quando se fala em Ateísmo, o qual vem ganhando espaço nas redes sociais, fazendo com que muitos “saíssem do armário” e se assumissem perante a sociedade, já que a sociedade se mostra um tanto quanto agressiva e intolerantes aos que pensam diferente. Vale aqui lembrar que colocando meu ponto de vista, obviamente há várias formas de se encarar inúmeras coisas, mas tenho certeza que muitos compartilham da minha visão sobre o ateísmo, caso tenha alguma posição diferente, deixe seu comentário no fim desta página.

[/fusion_separator]

Primeiro vamos entender um pouco sobre as nomenclaturas dadas a cada tipo de crença ou falta dela:

:: Deísmo: Um deísta também acredita numa inteligência sobrenatural, mas uma inteligência cujas ações limitaram-se a estabelecer as leis que governam o universo. O deus deísta nunca intervém depois, e certamente não tem interesse específico nas questões humanas. 1

:: Panteísmo: Os panteístas não acreditam num deus sobrenatural, mas usam a palavra Deus como sinônimo não sobrenatural para a natureza, ou para o universo, ou para a ordem que governa seu funcionamento. 2

:: Teísmo (do grego Théos, “Deus”): É uma crença na existência de deuses, seja um ou mais de um, no caso de mais de um, pode existir um supremo. Teísmo não é religião, pois não se trata de um sistema de costumes, rituais e não possui sacerdotes ou uma instituição. Teísmo é apenas o nome para classificar a opinião segundo a qual existe ou existem deuses. Algumas religiões são teístas, outras são deístas, panteístas, etc. Então, podemos dividir o Teísmo em: 3

  • Monoteísmo: Crença em um só deus, a divindade, nas religiões monoteístas, é onipotente, onisciente e onipresente, não deixando de lado nenhum dos aspectos da vida terrena. São exemplos de religiões monoteístas: Cristianismo, Fé Bahá’í, Islamismo, Judaísmo, Zoroastrismo. 4
  • Politeísmo: Consiste na crença em mais do que uma divindade de gênero masculino, feminino ou indefinido, sendo que cada uma é considerada uma entidade individual e independente com uma personalidade e vontade próprias, governando sobre diversas atividades, áreas, objetos, instituições, elementos naturais e mesmo relações humanas. Ainda em relação às suas esferas de influência, de notar que nem sempre estas se encontram claramente diferenciadas, podendo naturalmente haver uma sobreposição de funções de várias divindades.5
  • Henoteísmo: Crença em vários deuses, mas com um supremo a todos. é termo criado pelo orientalista e estudioso das religiões Max Müller (1823-1900) para designar a crença em um deus único, mesmo aceitando a existência possível de outros deuses. Seu objetivo era estudar comparativamente as religiões orientais e o monoteísmo judaico, islâmico e cristão, contestando a superioridade teológica deste perante outras concepções de divindade. Termos equivalentes a essa ideia são “monoteísmo inclusivo” e “politeísmo monárquico”. Nesse sentido, um “deus” pode se referir a uma personificação (entre outras) do deus supremo, mas também pode-se atribuir a esse deus o poder de assumir múltiplas personalidades.6

:: Agnosticismo: É a crença de que a existência de Deus é impossível de ser conhecida ou provada. A palavra “agnóstico” significa essencialmente “sem conhecimento”. Agnosticismo é uma forma mais intelectualmente honesta do ateísmo. O ateísmo afirma que Deus não existe – uma posição que não pode ser provada. O agnosticismo argumenta que a existência de Deus não pode ser provada ou deixar de ser provada – que é impossível saber se Deus existe. Neste conceito, o agnosticismo está certo. A existência de Deus não pode ser provada ou deixar de ser provada empiricamente. 11

:: Ateísmo: O termo nasceu na Grécia Antiga para descrever aquelas pessoas que rejeitavam as divindades adoradas por grande parte da sociedade. Eram considerados ímpios por não acreditarem nos muitos deuses venerados.

Existem várias formas de se descrever o ateísmo:

  • Proveniente do grego atheos, que significa “sem deus”, é o oposto do teísmo, é a rejeição ou ausência de crença na existência de divindades, os ateus tendem a ser céticos em relação a afirmações sobrenaturais, citando a falta de evidências empíricas que provem sua existência. Os ateus têm oferecido vários argumentos para não acreditar em qualquer tipo de divindade. O complexo ideológico ateísta inclui: o problema do mal, o argumento das revelações inconsistentes e o argumento da descrença. Outros argumentos do ateísmo são filosóficos, sociais e históricos. Embora alguns ateus adotem filosofias seculares, não há nenhuma ideologia ou conjunto de comportamentos que todos os ateus seguem. 7
  • O Ateísmo se divide em duas modalidades: 1ª ateísmo implícito; 2ª ateísmo explícito. A primeira, filosoficamente, é pouco relevante, e subdivide-se em: 1.1) ateísmo natural; 1.2) ateísmo prático. A segunda subdivide-se em outras duas variedades que são comumente denominadas: 2.1) ateísmo negativo ou ateísmo cético; 2.2) ateísmo positivo ou ateísmo crítico8
  • O ateísmo é a doutrina dos ateus. É uma postura filosófica que rejeita a ideia de existência de quaisquer deuses. É uma atitude de descrença perante a afirmação religiosa de que existem divindades e de que elas exercem influência no universo e na conduta humana. Um ateu pode ter uma atitude ativa (quando defende de forma veemente a ausência de qualquer deus) ou uma atitude passiva (quando nega apenas por não haver provas que demonstrem a existência da divindade).  A atitude passiva é uma forma de agnosticismo, em que os ateus agnósticos não acreditam em Deus, mas ao mesmo tempo não descartam a possibilidade de existência.9
  • Ateu é a pessoa cética que pesquisou sobre as religiões e suas origens, história, evolução, psicologia, cosmologia, etc, e finalmente chegou à conclusão que não existe nenhuma entidade sobrenatural nos regendo, se libertando das amarras invisíveis da religião. Ou teve a sorte de nascer em uma região onde não predomine nenhuma religião e/ou não teve nenhuma religião enfiada guela10 abaixo (o que é raro). (ANDRADE, Ricardo Bicalho. 2014)

As etapas para se chegar ao ateísmo são: Gnóstico Teísta, Agnóstico Teísta, Agnóstico Ateísta e por fim Gnóstico Ateísta.

fazes ateismo

[/fusion_separator]

:: Religião

Existem várias especulações sobre o princípio da religião, uma delas e que faz mais sentido é que logo que o ser humano desenvolveu o idioma, começaram a usar deuses para explicar fenômenos naturais, a partir daí esses deuses começaram personificados, adorados e temidos. Como começaram a ser temidos, logo viu se uma oportunidade de controle em massa e logo depois viram uma forma de se lucrar com este produto invisível. Cada civilização antiga tinha um ou vários deuses, ao passar dos anos o monoteísmo do cristianismo dominou o ranking mundial.

De acordo com The World Factbook, elaborado pela CIA com dados de 2012, os sistemas religiosos e espirituais com maior número de adeptos em relação a população mundial são: cristianismo (28%); islamismo (22%); hinduísmo (15%); budismo (8,5%); pessoas sem religião (12%) e outros (14,5%).2 Estudos conduzidos pela Pew Research Center em 2009 mostram que, geralmente, nações mais pobres têm maior proporção de cidadãos que consideram a religião muito importante do que em nações ricas, com exceção aos Estados Unidos e Kuwait. A irreligiosidade e o ateísmo respondem por 14,27% e 3,97% da população mundial, seguidos pelas religiões étnicas indígenas.

No Brasil o estado se diz laico, o que na verdade é uma grande mentira, do contrário não teríamos bancada evangélica, adoração de deus em cédulas de dinheiro, crucifixo ou demais imagens nos órgãos públicos; o favorecimento do cristianismo é visível, fazendo a laicidade ficar apenas no papel.

Creio que umas das poucas vantagens da religião é que servem como um meio de socialização, pouquíssimas ainda tem o propósito de realmente ajudar o próximo; e dão uma falsa esperança e conforto a seus fiéis, ajudam também a colocar na linha pessoas de mentalidade fraca que se desviaram de coisas boas.

Já as desvantagens são inúmeras:

  • A religião sempre acha que ela é única e verdadeira (seja qual for), jamais pode ser questionada ou contrariada. Se está escrito em um livro antigo algo, aquilo tem que ser cumprido, seja isto antiquado, contra as regras morais ou ao direito de vida do cidadão. Em tribos indígenas vemos índios matando crianças que nascem com alguma anormalidade ou um dos gêmeos (vídeo), e o pior disso tudo, são amparados por leis;
  • Grande parte dos religiosos são intolerantes a outras religiões, se essa intolerância fosse apenas verbal (como de alguns ateus) estaria bom, mas como no passado, até hoje existem pessoas matando por isso;
  • A religião passa aos fiéis que eles têm que acreditar e pronto, não devem questionar ou procurar outros meios de entendimento, pois isso é pecado, conhecimento é pecado, é obra do: Demônio, originário do grego “Daimon” que significa “conhecimento, inteligência”; Lúcifer, originário do Latim “Lucem ferre” que significa “portador da luz, claridade”; e Satã ou Satanás, originário do hebraico que significa “questionador, opositor”;
  • A religião caçou e matou centenas de milhares de pessoas que eram contra ela, pessoas hereges, mulheres que eles titulavam como bruxas, etc, durante toda sua história;

tortura

  • A religião hoje em dia está mais voltada para o comércio do que qualquer outra coisa, se removessem os dízimos e doações, deveriam ficar apenas 1% das igrejas e templos atuais.

 

Reflita sobre estas imagens abaixo, segundo os cristãos a palavra da bíblia é incontestável.

Terra segundo a bíblia

arca de noé

Bom, creio que todos sabemos que essas coisas não são verdades ou meio fantasiosas, ai entra a teologia para remediar esses erros, inventando inúmeras desculpas esfarrapadas que somente são aceitas pelos seus fiéis. Como por exemplo uma jumenta que fala (Números, 22:28), o incesto de Caim ou Seth sobre a Eva ou suas outras filhas para gerarem descendentes (afinal, naquela época não haviam outras pessoas); o incesto de Ló (Gn 19:32); são unicórnios (Isaías, 34:7); deus enviando duas ursas para matar quarenta e duas crianças por apenas terem zombado de um profeta careca (no lugar de deus eu teria feito nascer cabelo na cabeça do careça ou fazer as crianças ficarem carecas também) (Reis II, 2:23-24); é incentivando o infanticídio (Salmos, 137:9); o coração é o órgão responsável pelos sentimentos (Gn 06:05); machismo (I Coríntios, 11:8-9); etc. O problema é que na religião a fé fala mais alto que a lógica, fatos e moralidade. Existe um site americano que tem um relato gráfico de todas as controvérsias, coisas já desmentidas pela ciência, racismo, etc, é o bibviz.com.

bibviz

[/fusion_separator]

:: Perguntas frequentes sobre os ateus e para os ateus:

Ateísmo é uma religião?

Ateísmo está para religião assim como careca está para penteado. (Bill Maher)

Ateu acredita no diabo?

Obviamente não, os ateus não acreditam em nenhuma entidade sobrenatural.

Ateu é uma pessoa ruim?

Não é porque uma pessoa não segue uma doutrina religiosa signifique que ela seja ruim, religião não define caráter, como diria Richard Dawkins: “Se não existisse religião, haveriam pessoas boas fazendo o bem e pessoas ruins fazendo o mau, mas com a religião, temos pessoas boas fazendo coisas más.” E também disse Chagdud Tulku Rinpoche: “Se alguém precisa de religião para ser bom, a pessoa não é boa, é um cão adestrado”

No que o ateu acredita que há depois da morte?

O ateu acredita que as pessoas irão para o mesmo estado de consciência que tínhamos antes de nascermos.

Então se o ateu não acredita no inferno, ele pode fazer o que quiser?

Não é porque o ateu não teme uma coisa que não existe que irá fazer com que ele fique louco e saia fazendo o que bem entender, existem regras na sociedade e principalmente a empatia, de não fazer com o próximo o que não gostaria que fizesse com ele.

Por que os ateus criticam somente o cristianismo?

Isso é mentira, nem todos criticam, e essa falsa impressão de que eles criticam somente o cristianismo é porque vivemos em um pais onde se predomina o cristianismo, se morássemos na Índia, teríamos vários deuses para criticar, rs. Mas de uma forma geral essas críticas não são no intuito ruim da palavra, e sim para que as pessoas possam ver a religião delas com outros olhos ou de um ângulo diferente.

Mas por que o ateu só fala mau do crente e não do católico?

Outro equívoco pensar isso, quando um ateu se refere ao crente, ele quer dizer quem crer em alguma divindade, não necessariamente um cristão evangélico.

Por que os ateus ficam chamando os crentes de “crentelho”?

É apenas uma forma de chamar aquele crente que é chato (pentelho), aquele que gosta de ficar procurando discussões e vive retrucando um ateu, assim como alguns crentes chamam os ateus se “atelhos”. São apenas pseudônimos assim como “chatólico”, “evanjegue” e outros.

Qual a pior parte em ser ateu?

Acho que seria o fato de não existir vida após a morte, porque o ser humano tem esse desejo de se imortalizar, um dos possíveis motivos pela qual a religião foi criada, para dar conforto e aplacar a ansiedade da morte.

Existe algum símbolo ou logo dos ateus? 

Oficialmente não existe, mas grande parte dos ateus utilizam um “A” maiúsculo dentro de um círculo, como se fosse uma arroba maiúsculo.

Pode existir amizade entre um ateu e um religioso?

Lógico, desde que o assunto religião não seja colocado a mesa, do contrário irá se iniciar uma discussão sem fim, o religioso amparado pela fé e o ateu pelos fatos. O religioso nunca duvida, nunca questiona e quando desafiado, se sente agredido, já o ateu sempre duvida, sempre questiona e quando desafiado responde com evidencias.

Por que os ateus ficam postando coisas antirreligiosas ou satirizando as religiões se eles  não acreditam?

A maioria faz isso com o intuito de atiçar a curiosidade do religioso, para que ele procure saber mais dos fatos e deixe de acreditar só porque lhe assim foi dito. Seria como se você não enxergasse bem, e ao colocar óculos você visse a diferença que eles fazem, então você iria querer espalhar essa notícia a todos.

É possível o ateu voltar a ser um teísta?

Se ele for ateu de verdade as chances são quase zero, só mesmo se um deus aparecesse para ele e fizesse um milagre impossível e o repetisse em rede mundial (como fazer nascer um membro amputado), além de ter que dar explicações sobre o abandono de tantas pessoas no mundo. Do contrário, só mesmo se for um teísta revoltado, que pra dizer que é diferente se diz ateu.

[/fusion_separator]

:: Algumas frases ateístas famosas:

“A ignorância é uma bênção.” (Matrix, Filme)

“Argumentar com uma pessoa que tenha renunciado ao uso da razão é como dar remédio para os mortos.” (PAINE, Thomas)

“Não há conexão lógica entre ateísmo e o acontecimento de coisas ruins, nem de coisas boas. O ateísmo é apenas uma crença filosófica sobre a falta de uma inteligência criativa no mundo. Qualquer um que pense que você precise de uma religião para ser bom está sendo bom por motivo errado. Eu prefiro ser bom por razões morais.” (DAWKINS, Richard)

“Todas as religiões, com seu (s) deus (es), semideuses, profetas, messias e santos, são resultado da fantasia e credulidade de homens que ainda não atingiram o total desenvolvimento e personalidade das suas capacidades intelectuais.”  (BAKUNIN, Mikhail)

“A palavra Deus para mim é nada mais que a expressão e produto da fraqueza humana, a Bíblia é uma coleção de lendas honradas, mas ainda assim primitivas, que são bastante infantis.” (EINSTEIN, Albert)

“Para mim, é muito melhor compreender o universo como ele realmente é do que persistir no engano, por mais satisfatório e tranquilizador que possa parecer.” (SAGAN, Carl)

“Se alguém precisa de religião para ser bom, a pessoa não é boa, é um cão adestrado.” (RINPOCHE, Chagdud Tulku)

“Um dos muitos efeitos negativos de se acreditar em deus é que isso faz com que a ignorância se pareça com uma virtude.” (DAWKINS, Richard)

“A fé faz da falta de pensar uma virtude, que mantêm a humanidade em um cativeiro de fantasias e tolices, que têm gerado e justificado tanta insensatez e destruição.” (MAHER, Bill)

“A imensa maioria dos homens intelectualmente eminentes não acredita na religião cristã, mas esconde esse fato do público, porque tem medo de perder sua renda.” (RUSSELL, Bertrand)

“Saber muito não lhe torna inteligente. A inteligência se traduz na forma que você recolhe, julga, maneja e, sobretudo, onde e como aplica esta informação.”  (SAGAN, Carl)

“A vida é apenas uma visão momentânea das maravilhas deste assombroso universo, e é triste que tantos se desgastem sonhando com fantasias espirituais.” (SAGAN, Carl)

“Para quem foi criado na mentira da religião, a realidade é uma ofensa.” (FREEMAN, Morgan)

“Um ateu é um homem que não possui meios invisíveis de apoio.” (FOSDICK, Harry Emerson)

“Um homem que está livre da religião tem uma oportunidade melhor de viver uma vida mais normal e completa.” (FREUD, Sigmund)

“A religião é a neurose obsessiva universal da humanidade.” (FREUD, Sigmund)

 “Se deus pode acabar com o mau mas não quer, ele é monstruoso; se quer, mas não pode, ele é incapaz; se não pode e nem quer, é impotente e cruel; se pode e quer, por que não faz?” (Epícuro)

“Não confio em gente que sabe exatamente o que deus quer que elas façam. Sempre coincide com aquilo que elas próprias desejam.” (ANTHONY, Susan B.)

“Não existe uma maneira educada de dizer para alguém que ela tem devotado a sua vida inteira a uma tolice.” (DENNETT, Daniel)

“O maior inimigo do conhecimento não é a ignorância, mas sim a ilusão de conhecimento.” (HAWKING, Stephen)

[/fusion_separator]

:: Vídeos interessantes sobre o ateísmo

Fiz uma Playlist no meu canal do YouTube, confira!

[/fusion_separator]

:: Sites, Páginas no Facebook e Canais no YouTube sobre Ateísmo:

ATEA (Associação Brasileira de Ateus e Agnósticos)

Canal do Pastor Adélio (Márcio Américo)

Canal do Yanca Venuziano

Penso, Logo Sou Ateu (Pagina no Facebook)

[/fusion_separator]

:: Referências:

  1. DAWKINS, Richard. Deus um Delírio, 2007, p32
  2. DAWKINS, Richard. Deus um Delírio, 2007, p33
  3. Disponível em: <http://pt.wikipedia.org/wiki/Teísmo> Acesso em: 31/01/2014
  4. Disponível em: <http://pt.wikipedia.org/wiki/Monoteísmo> Acesso em: 31/01/2014
  5. Disponível em: <http://pt.wikipedia.org/wiki/Politeísmo> Acesso em: 31/01/2014
  6. Disponível em: <http://pt.wikipedia.org/wiki/Henoteísmo> Acesso em: 31/01/2014
  7. Disponível em: <http://pt.wikipedia.org/wiki/Ateísmo> Acesso em: 31/01/2014
  8. Disponível em: <http://ateus.net/artigos/ateismo/os-fundamentos-do-ateismo/> Acesso em: 31/01/2014
  9. Disponível em: <http://www.significados.com.br/ateu/> Acesso em: 31/01/2014
  10. Quando me refiro a ter a religião enfiada güela abaixo, quero dizer que quem nasce em um ambiente monoteísta não tem muita escolha a não ser acreditar na religião predominante, pois desde pequeno se é passado as doutrinas pelos pais, escola e comunidade em geral.
  11. Disponível em: <http://www.gotquestions.org/Portugues/agnosticismo.html> Acesso em: 31/01/2014

[/fusion_separator]

Dúvidas, elogios, críticas e/ou sugestões, deixe abaixo nos comentários.

Se gostou, compartilhe! Abraços

By | 2017-03-17T14:51:51+00:00 31 de janeiro de 2014|Ateísmo|4 Comments

About the Author:

Ricardo Bicalho Andrade, trabalho na área de T.I. desde 2000, sempre fui autodidata, mas fiz algumas graduações para me formalizar no meio profissional, formei em Análise e Desenvolvimentos de Sistemas, dentre outras graduações. Sou apaixonado por tecnologia, fotografia e cosmologia; gamer casual (vida de adulto não é mole); [...]
  • Toda religião, desde os primórdios, odiou e condenou aqueles que não puderam acreditar em tudo o que aquelas velhas religiões acreditavam. Ao longo das eras houve sempre aqueles ‘foras da lei intelectuais’ que questionavam o “inquestionável”, e duvidaram até mesmo da existência dos deuses. E esses pensadores individuais foram odiados, caçados, perseguidos, e assassinados pelos crentes religiosos. Ateus e questionadores ainda estão conosco hoje, mas essas religiões velhas, e os deuses que elas criaram,faz muito tempo que pararam de aborrecer os pensamentos da humanidade.
    A religião é a muleta dos fracos de mente e sem personalidade própria. Os religiosos precisam crer em algo ou alguém para tomarem um rumo ou impor limites a si mesmo.
    Se considerarmos que o Ateísmo é uma religião, então é facilmente a religião mais velha do mundo. Propriamente estabelecido, Ateísmo é verdadeiramente “aquela religião dos velhos tempos” sobre a qual os Batistas continuam cantando.
    Ateísmo é um assunto difícil somente por causa da calúnia e das más representações faladas e publicadas contra ele. Até mesmo as informações que estão disponíveis na maioria de nossos livros mais confiáveis e respeitáveis são uma visão torcida e preconceituosa apresentadas pela religião.
    Da mesma maneira que em países comunistas os artigos sobre Capitalismo, democracia, política, etc., sempre são escritos por comunistas e do ponto de vista comunista, assim nas sociedades dominadas por Cristãos, como o Brasil, todos os artigos sobre Ateísmo, Racionalismo, Pensamento Livre, etc., que são achados em enciclopédias e outras referências, são escritos por teólogos, e do ponto de vista Cristão.
    Hoje nós temos que considerar as várias ideias e opiniões como elas são apresentados nos grandes jornais e livros de referência.
    O ateísmo é muito perigoso para a hipocrisia da religião.
    E assim é de suma importância que estas ideias e opiniões sejam apresentadas honestamente, pelas pessoas que as aceitam, acreditam nelas, e estão convencidos que elas são as melhores respostas.
    Estamos crescendo e hoje, cada centímetro conquistado pela ciência é um centímetro que as religiões tiveram que ceder.

  • Cecilia Aguilera Lopes

    Muito bom texto!! Muito bom mesmo! resumiu tudo! Assim que eu precisar eu vou linkar esse texto no meu blog! Não deixe esse blog cair!

Compartilhe isto com um amigo!